Tirinha mais famosa da Mafalda é falsa

A frase “Parem o mundo que eu quero descer” usada na suposta tirinha da personagem do Quino circula há anos na internet, mas é uma falsificação

Tirinha falsa da Mafalda

O saudoso cartunista argentino Quino não criou essa tirinha da Mafalda pedindo para o mundo parar para ela descer (Foto: Reprodução da internet)

E por que, tendo mundos mais evoluídos, eu tive que nascer neste?

E não é que neste mundo há cada vez mais e menos pessoas?

Acontece que se você não se apressa em mudar o mundo, então é o mundo que muda você!

Todas essas reflexões existenciais sobre o mundo são da personagem Mafalda, das tirinhas criadas pelo cartunista argentino Joaquín Salvador Lavado Tejón, mais conhecido como Quino, falecido na última quarta (30/9) aos 88 anos.

Mafalda é uma menina curiosa que sempre se preocupou com a humanidade e que desejava ser intérprete na Organização das Nações Unidas (ONU) quando crescesse, provavelmente e precisamente, para salvar o mundo.

Seus quadrinhos eram cheios de humor, mas também de preocupações com a desigualdade e a injustiça.

Mas uma frase sobre o mundo que talvez seja a mais famosa atribuída a Mafalda é falsa: “Parem o mundo que eu quero descer”.

A frase em que a personagem parece gritar ao lado de um globo circula há anos na internet e aparece repetidamente nas redes sociais.

A tirinha falsa é uma montagem de duas outras imagens da Mafalda (Fotos: Pinterest/Reprodução)

Mas nem o desenho foi feito pelo Quino, nem ele pôs a frase na boca da Mafalda.

O próprio cartunista argentino negou a autoria em 2012. “Eu nunca teria posto essa frase na boca da Mafalda, porque ela não quer que o mundo pare e ela saia. Quer que o mundo melhore. Então, isso nunca poderia ter ocorrido”, comenta Quino, citado pela emissora britânica BBC.

Seu editor há 50 anos e amigo de longa data, Daniel Divinsky, comenta à BBC que “mais da metade das frases que encontramos na internet sobre Mafalda são falsas. É claro que ela foi utilizada em todo tipo de conteúdo”, acrescenta o editor.

É realmente um mistério porque essa frase apócrifa acabou relacionada à personagem Mafalda. O que se sabe é que graças à internet, ela se tornou a mais famosa.

“A forma como os mitos urbanos são criados é absolutamente misteriosa. Os sociólogos tentaram desvendá-la e raramente a raiz é encontrada. Ela começa a correr, se impõe e o falso permanece como verdade com o passar do tempo”, analisa Divinsky em conversa com a emissora britânica.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.